Baixa procura por vacina contra a gripe preocupa secretaria de Saúde

Pertencente a grupo de risco (diabético), prefeito Prado tomou vacina no sábado

O Secretário da Saúde de Lençóis Paulista, Ricardo Conti Barbeiro, se mostrou preocupado com o número de lençoenses que até o momento procuraram as Unidades de Saúde para receber a vacina contra a gripe influenza. O relato do secretário foi feito ao demonstrar o balanço da vacinação no último sábado, dia 12 de maio, quando todas as unidades permaneceram abertas na campanha nacional Dia D de Vacinação. Conti Barbeiro disse que o objetivo da diretoria é vacinar em torno de 12 mil pessoas, mas até o momento apenas 4,2 mil buscaram a imunização. O índice mais baixo dentre os grupos demonstrados pelo secretário é o de crianças com menos de cinco anos. Até o momento apenas 13% dessas crianças foram vacinadas. Porém, ainda há tempo de se vacinar, afinal não há previsão de término da campanha, e até o final do mês é certeza de que os postos estarão com a vacina à disposição da população. “Estamos preocupados por causa da baixa adesão à campanha da vacinação contra a gripe. A vacina é muito importante, sobretudo nesse período de tempo seco. A vacina estará à disposição em todas as unidades de saúde, durante toda semana e no horário normal de funcionamento. A prevenção deve ser feita sobretudo por aquelas pessoas que pertencem a algum grupo de risco (Ministério da Saúde lista como grupos prioritários para vacinação as crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas, trabalhador de saúde, professores, pessoas acima dos 60 anos de idade, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, e pessoas portadoras de doenças crônicas). Temos que evitar que ocorra algum caso na cidade, e só com a vacina evitaremos as ocorrências”, comentou Ricardo Conti Barbeiro.

Deixe uma resposta