Lençóis Paulista tem saldo positivo de 331 vagas de emprego, mostra Caged

Foto: Diretor de Desenvolvimento, Geração de Emprego e Renda, André Paccola Sasso, fala sobre dados do Caged

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), aponta Lençóis Paulista com saldo positivo de 331 vagas ao final de maio de 2017. Esse resultado foi divulgado após análise da evolução do emprego no período de 1º de Janeiro a 31 de maio de 2017.

De acordo com a pesquisa, a agropecuária é o setor que mais emprega. Lençóis Paulista apresenta um saldo positivo considerável no período, levando-se em conta que 2016 fechou com saldo negativo de 970 vagas. Nas cidades mais próximas, a que teve maior saldo positivo depois de Lençóis Paulista foi São Manuel, que está com saldo de 314 vagas. Depois vem Bauru com 254 vagas positivas, em seguida Agudos com 247 e Areiópolis com 117 vagas. Macatuba fechou maio com saldo negativo de 147 vagas, segundo os dados oficiais do Caged.

Restabelecer a empregabilidade para as pessoas é o desafio atual da administração Anderson Prado, através da Diretoria de Desenvolvimento, Geração de Emprego e Renda (DDGER). “Muitos estão se lançando ao empreendedorismo, buscando gerenciar seu próprio negócio. É no momento de dificuldade que surgem novas ideias e novos empreendedores. Com todo noticiário político em âmbito federal, demonstrando um clima desfavorável para o crescimento econômico, fechar com números positivos é motivo de muito orgulho, fruto de trabalho e dedicação, revertendo um quadro assustador”, comenta o diretor de Desenvolvimento, André Paccola Sasso.

O diretor relatou ainda que vários empresários locais estão investindo nas suas empresas, aproveitando a oportunidade de alavancar seus negócios, mesmo sendo esse um momento em que a grande maioria, no país, procura ‘tirar o pé do acelerador’. “Temos que comemorar com esses empreendedores e oferecer nosso apoio para que mantenham seus investimentos aqui, empregando e gerando renda para nossa população”, enfatiza Sasso, entendendo que o Poder Público precisa oferecer mecanismos para buscar novas alternativas à população que está tentando a recolocação no mercado de trabalho.

Para o diretor de Desenvolvimento, o crescimento dessas empresas locais é a maior vitrine de incentivo à vinda de novas empresas a Lençóis Paulista.

O sistema Caged é o que controla o número de demissões versus contratações que ocorrem no Brasil, lembrando que ele só contabiliza aqueles que estão sob o regime de CLT, ou sob o regime de emprego formal. Autônomos, estagiários, cooperados e trabalhadores temporários não precisam ser registrados.

Além do controle que o governo federal realiza no fluxo de demissões e contratações para medir o crescimento do emprego no país, o Caged serve também como base de estudos para que sejam revisados os programas de subsídio ao emprego em determinadas áreas do país, como incentivos às empresas. O sistema também auxilia no fluxo de pagamento dos valores devidos do seguro-desemprego, uma vez que em consulta ao Caged o Ministério do Trabalho faz a verificação dos cidadãos que estão recebendo o seguro-desemprego, por quanto tempo estão recebendo, e pode ainda verificar se há algum que esteja recebendo indevidamente o benefício.

Deixe uma resposta