Pais de Rafael Longuine morrem em acidente de carro no Paraná

Maria Fátima de Carvalho Longuine, de 52 anos, e Wellington Longuine, de 53, não resistiram aos ferimentos e faleceram após batida que envolveu um carro e uma carreta em estrada Alto Paraná-PR.

Um trágico acidente vitimou os pais do meia Rafael Longuine, do Santos. Além dos dois familiares do jogador, outras duas pessoas morreram na batida, que envolveu um carro e uma carreta em estrada localizado em Alto Paraná-PR, no sul do Brasil.

Maria Fátima de Carvalho Longuine, de 52 anos, e Wellington Longuine, de 53, não resistiram aos ferimentos e faleceram no local. Lidia Ferreira de Carvalho Castelã, tia de Rafael, e Marcelo Kovalesk foram as demais vítimas da batida.

Muito abalado com a perda, o meia santista foi liberado pela diretoria do clube e não tem data certa para retornar aos trabalhos no CT Rei Pelé e voltar a ser opção para o técnico Dorival Júnior. Em seu perfil no Twitter, o Santos lamentou a morte dos pais do atleta e das demais vítimas.

Além do próprio Longuine, todo o elenco do Peixe se abalou com o trágico acidente. Por isso, apesar de não haver confirmação oficial, é possível que as atividades marcadas para esta terça-feira sejam canceladas, dando tempo aos atletas para se recuperarem. O atacante Ricardo Oliveira, inclusive, fará pronunciamento na tarde desta terça.

O Santos volta a campo na próxima quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Pacaembu, para encarar o Santa Fé, da Colômbia, pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores.

Com cinco pontos, os alvinegros lideram a chave 2 da competição sul-americana e podem ficar perto da classificação às oitavas em caso de vitória sobre o rival de Bogotá, na quinta.

O Santos FC lamenta o falecimento dos pais do atleta Rafael Longuine, bem como as demais vítimas do acidente, que aconteceu na rodovia BR-376, em Alto Paraná, no Paraná.

Na foto, Pais de santista Rafael Longuine falecem em acidente de carro (Reprodução/Instagram)

Fonte: Fox Esportes