Polícia Civil identifica autor de homicídio em Lençóis Paulista

Equipe da delegacia da cidade cumpriu mandado de busca na casa do suspeito, mas ele não foi encontrado

A Polícia Civil de Lençóis Paulista  identificou o autor do disparo que matou com um tiro no peito um adolescente de 15 anos no último dia 4, em uma praça no cruzamento das ruas Josefatti Cavassutti e Luiz Pereira, no Parque Residencial Rondon. Equipe da delegacia da cidade cumpriu mandado de busca na casa do suspeito, mas ele não foi encontrado.

Após diligências, sob o comando do delegado Marcos Jefferson da Silva, policiais do setor de investigações da unidade descobriram que Jonadabe da Conceição Valério foi morto por P.R.P. (apenas as iniciais foram divulgadas), de 27 anos. O delegado representou pela prisão temporária, mas ele não havia sido localizado.

Conforme divulgado pela imprensa, o adolescente foi atingido por um disparo no tórax, na altura da axila, quando retornava da escola. Após o crime, o autor fugiu sem ser identificado. Jonadabe chegou a ser socorrido por uma Unidade de Resgate (UR) do Corpo de Bombeiros e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Lençóis Paulista, mas não resistiu aos ferimentos.

REINCIDENTE

Segundo a Polícia Civil, em janeiro de 2007, P.R.P., na época com 17 anos, foi apreendido por latrocínio e, por determinação da Vara da Infância e Juventude, chegou a ficar internado na Fundação Casa, extinta Fundação Estadual para o Bem Estar do Menor (Febem).

Na ocasião, ele confessou que havia atirado na cabeça do professor de educação física e ex-jogador de futebol com passagens pelo Noroeste e Santos José Augusto Zimerman, de 39 anos, para roubar sua carteira. Dentro dela, havia apenas R$ 20,00.

As informações são do JCnet

Foto ilustração internet