Aglomeração vai gerar multa e responsabilização criminal

A partir de agora, a aglomeração de pessoas será passível de multa, com responsabilização criminal e inquérito na Polícia Civil e no Ministério Público para apuração. As medidas foram anunciadas nesta quarta-feira, 13, pelo prefeito Anderson Prado durante a coletiva de imprensa. O capitão PM, Marcelo Paes, comandante da 5ª Companhia de Polícia Militar, o presidente da Câmara, vereador Nardeli da Silva e o secretário de Saúde, Ricardo Conti Barbeiro também participaram do encontro com jornalistas.

“Criamos um novo mecanismo. A partir de agora, vamos solicitar via ofício, todos os boletins expedidos pela Polícia Militar, relacionados a perturbação de ordem pública. Através desses boletins a Prefeitura vai aplicar uma multa de R$ 350,00 para pagamento imediato às pessoas que promoverem aglomerações. A Secretaria dos Negócios Jurídicos vai encaminhar (as multas) para instauração de inquéritos pela Polícia Civil e Ministério Público para a responsabilização criminal dessas pessoas. Essas pessoas também serão inscritas na dívida ativa do município”, explicou Prado na abertura da coletiva.

Prado lembrou que a iniciativa é “uma rede de proteção, é uma medida para proteger as pessoas, as famílias para manter a curva achatada (da doença) em Lençóis Paulista. As pessoas precisam entender que um precisa ajudar o outro, ou daqui a pouco não teremos leitos, tanto para atender os casos mais graves, como também os casos de enfermaria”, pontuou.

O chefe do Executivo afirmou que “Lençóis tem coragem de testar (em massa). Testamos 325 pessoas e estamos com 54 casos positivados, ou seja, 16,6%. Estamos testando em massa para promover mais segurança ao povo. É um número importante, pois na medida que testamos mais, as pessoas que não estão contaminadas podem voltar ao trabalho, a sua rotina, sem ter que ficar no isolamento”.

Já o Secretário de Saúde, Ricardo Conti Barbeiro, explicou a metodologia para a elaboração dos boletins informativos acerca da Covid-19, e que são publicadas diariamente pela Prefeitura. “Nosso boletim é de simples entendimento: as notificações total são a soma dos casos suspeitos, confirmados e negativados. Abaixo dessas três informações oferecemos um detalhamento de cada caso, como suspeitos e positivos que estão internados e o número de óbitos. Além disso, temos informações adicionais como número de pessoas com Síndrome Gripal Leve, que forma atendidas por nossa Central Telefônica, e também o número de pessoas recuperadas”, declarou.

O presidente da Câmara Nardeli, reafirmou o apoio do Poder Legislativo as ações implementadas pelas autoridades de Saúde e pelo Poder Executivo no enfrentamento à Covid-19. “Vivemos em harmonia (Os Poderes e Autoridades), e isso tem sido um benefício para toda a população, somos seus apoiadores, o senhor segue a ciência e a medicina e tem o apoio das pessoas”, afirmou o Chefe do Legislativo em relação à atuação do prefeito.

União de forças

O capitão PM Marcelo Paes, comandante da 5ª Companhia de Polícia Militar afirmou que a Polícia Militar reafirmou seu compromisso constante no combate à Covid-19, unindo aos esforços do Poder Executivo, Legislativo e autoridades de Saúde.

“A Polícia Militar possui atribuições específicas como Polícia do Estado e como tal vamos agir de acordo com o Decreto Estadual, não apenas em Lençóis, mas em todo o Estado de São Paulo. A PM tem agido prestando orientações. Apenas nos casos de quebra de ordem pública em que haja o cometimento de crimes, desacatos, perturbação do sossego e o descumprimento do Decreto Estadual, vamos realizar uma abordagem ostensiva e elaborar o boletim de ocorrência que será encaminhado para as medidas judiciárias. Vamos continuar agindo, orientando, apoiando todas as ações da Prefeitura e órgãos de Saúde”, pontuou durante a coletiva.

Mais de 6,6 mil ligações recebidas e
entrega de 10 mil máscaras às famílias

Prado anunciou que a partir desta quinta-feira, 14, os agentes comunitários da Secretaria de Saúde iniciam a distribuição de 10 mil máscaras em TNT, produzidas pelo Centro Municipal de Formação Profissional “Prefeito Ideval Paccola” às famílias em situação de vulnerabilidade social.

Durante a coletiva, Prado destacou que já foram entregues 2.674 cestas básicas às famílias carentes. A Prefeitura também já disponibilizou 2.024 cotas de gás. Já a Central de Atendimentos da Covid-19, já recebeu mais de 6.642 ligações, desde sua implantação.

.... . .