Coronavírus: testagem em Lençóis é uma das maiores da região

  • “Se não tivéssemos estrutura, entraríamos em colapso”, afirma o Presidente da Câmara Nardeli da Silva.

A testagem em massa para identificação dos casos da Covid-19 soma 497 notificações e 93 casos positivos em Lençóis Paulista. O município também confirmou mais um óbito, de um paciente com 79 anos, e que apresentava problemas cardíacos. Os dados foram apresentados pelo prefeito Anderson Prado durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira, 18. O vereador e presidente da Câmara, Nardeli da Silva e o médico, Antônio Celso Gomes de Souza Barros Filho, diretor Técnico do Hospital Nossa Senhora da Piedade também participaram do encontro.

“Anunciamos na semana passada, 381 testes (rápidos e PCR Padrão Ouro) e realizamos 146, porque muitas pessoas que apresentaram síndrome gripal leve optaram por não fazer o exame. Nesta semana, temos agendados 140 testes; apenas hoje foram realizados 60. A testagem em massa gera resultados positivos em larga escala, mas o mais importante é que gera resultados negativos em uma escala ainda maior”, explicou.

“Nossa testagem é uma das maiores da região, temos feito um esforço grandioso para proteger a vida e salvaguardar a economia, mas é preciso que as pessoas façam a sua parte”, frisou Prado. “Lençóis Paulista tem aproximadamente 70 mil habitantes e nós já testamos 497 pessoas, ou seja, 0,72% da população, um dado que vai aumentar ainda mais, por que, só assim, teremos uma real dimensão do problema. Como disse outras vezes, não adianta a gente ficar com poucos casos positivos na planilha achando que isso não vai nos afetar. Quanto mais informação temos, melhores podem ser nossas decisões”, completou o Prefeito.

O presidente da Câmara, Nardeli da Silva, lembrou de todo o trabalho desenvolvido pelas autoridades no enfrentamento à Covid-19, quando mencionando as ocorrências registradas no final de semana, e que foram atendidas pela UPA e pelo Hospital Nossa Senhora da Piedade. “Quero agradecer as pessoas que estão nos ajudando ficando em casa. Saímos na frente no dia 17 de março, as medidas (barreiras sanitárias, isolamento social, criação da comissão) foram cruciais”, afirmou. “Se não tivéssemos estrutura, entraríamos em colapso”, afirma Nardeli.

Arrecadação

Durante a coletiva, Prado lembrou que os recursos do Governo do Estado somam R$ 621.000,00. Já os recursos do Governo Federal incluindo as emendas dos deputados federais, chegam a R$ 1,5 milhão de reais.

Prado afirmou que, ao contrário da informação veiculada em redes sociais, os R$ 7,5 milhões prometidos pelo Governo Federal não chegaram aos cofres do município. “Este recurso não está na Fazenda Municipal. O município deve receber em quatro parcelas, após cumprir regramentos impostos pelo Governo Federal”, esclareceu.

O chefe do Executivo lembrou ainda que a estimativa da queda de arrecadação no município deve girar entre R$ 12 milhões, no cenário mais otimista, e R$ 24 milhões no cenário mais pessimista que foi traçado pela Secretaria de Finanças do município.

Prado agradeceu e destacou a união de esforços para a viabilização do Pronto Atendimento à Covid-19, inaugurada na sexta-feira, 15. “A Prefeitura disponibilizou toda a estrutura humana, a Bracell realizou as obras para a adequação do prédio e aquisição de equipamentos e o Hospital Piedade que vai abrigar o PAC-19. Agradeço a todos pelo empenho para entregarmos isso para a cidade no momento certo”, lembrou.

Diagnóstico Precoce

Diagnóstico precoce é fundamental para diminuir taxa de transmissão, diz diretor técnico do Hospital Nossa Senhora da Piedade

O médico e diretor técnico do Hospital Nossa Senhora da Piedade, Antônio Celso Gomes de Souza Barros participou da coletiva, esclarecendo dúvidas sobre a utilização da hidroxicloroquina. O especialista lembrou que “o diagnóstico precoce é fundamental para diminuir a taxa de transmissão”.

“Esses medicamentos são utilizados há muitas décadas para tratamento de doenças reumáticas e de malária. O Conselho Federal de Medicina preconiza que hoje o medicamento deve ser utilizado para pacientes com casos da Covid-19 de moderado a gravíssimo. Seguimos um protocolo, e passamos ao paciente ou aos seus familiares, explicando os benefícios e riscos. Baseado na resposta, entramos com procedimentos estabelecidos pelo Ministério da Saúde, que autoriza duas doses no primeiro dia e uma dose ao dia durante quatro dias, somando cinco dias (tratamento), desde que o paciente ou os familiares sejam apoiadores da ideia”, explicou.

O médico explicou que são feitos diariamente, inclusive no momento anterior ao início da medicação, exames de eletrocardiogramas para apurar eventuais alterações no paciente.

“O medicamento pode ocasionar um quadro de arritmia cardíaca. O medicamento deve ser aplicado mediante uma avaliação criteriosa; como é uma doença nova, ainda não temos estudos que comprovem a excelência da droga. Aqui utilizamos o medicamento associados a dois antibióticos”, lembrou.

Tradução em Libras

A coletiva de hoje foi a primeira a ter tradução simultânea em libras, garantindo acessibilidade dos conteúdos tratados no encontro aos surdos. A ação foi uma iniciativa da própria tradutora e intérprete de libras, Ivete Carlos Lourenço Payão, a quem o prefeito agradeceu. “Quero agradecer imensamente a iniciativa da senhora que, voluntariamente, se dispôs a tornar acessível nossas coletivas às pessoas com problemas na audição. Que Deus a abençoe”, declarou.

.... . .