Genival Lacerda, símbolo da cultura do Nordeste, morre em Recife

A causa da morte, do artista de 89 anos, foi as complicações causadas pela Covid-19

Com 64 anos de carreira, Genival Lacerda é um símbolo da cultura do Nordeste

O cantor Genival Lacerda morreu na manhã desta quinta-feira (7) de Covid-19. Ele tinha 89 anos e estava internado desde de 30 de novembro de 2020 num hospital particular, na Ilha do Leite, em Recife. As informações são da assessoria de imprensa do artista. Seu estado de saúde era grave e ele respirava com a ajuda de aparelhos.

Ele teve uma piora no quadro de saúde no dia 4 de janeiro, segundo o boletim divulgado pela família. Nessa quarta-feira (6), uma campanha de doação de sangue foi realizada em prol do cantor. No primeiro semestre do último ano, Genival teve um Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVC), com alta três dias depois.

Genival foi um dos ícones do forró, com seu talento e irreverência. Com 64 anos de carreira, é um símbolo da cultura do Nordeste.

jcnet.com.br

.... . .