Mais de cem lençoenses deixaram de tomar a segunda dose da vacina

A segunda dose da vacina é necessária para se obter o efeito desejado do imunizante

A Secretaria de Saúde de Lençóis Paulista informou que 114 lençoenses que tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19 não compareceram para receber a segunda dose no tempo estipulado pelo fabricante da vacina. A aplicação de duas doses, tanto da Coronac, do Instituto Butantan, como da AstraZenica/Oxford/Fiocruz, que são as duas vacinas aplicadas no momento do Brasil, é fundamental para garantir a proteção desejada contra a doença, segundo os estudos dos laboratórios que foram aprovados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Ao tomar a primeira dose, o paciente recebe da enfermeira a caderneta de vacinação onde consta a vacina tomada e a data para a segunda dose, necessária para que se possa conseguir o efeito desejado. No caso da vacina da Coronavac, o intervalo fica entre 21 e 28 dias, já da AstraZenica o intervalo é de 12 semanas.

As equipes da Secretaria de Saúde de Lençóis Paulista estão realizando uma busca ativa para localizar essas pessoas que não tomaram a segunda dose. Mas é importante que o idoso ou um familiar confira essa data.

Por isso, confira na sua carteirinha de vacinação da primeira dose a data da segunda dose. Se já passou, ligue imediatamente para os telefones: 3269-1970 ou 3269-1971 para agendar a segunda dose no Ambulatório de Especialidades, na Avenida Brasil.

PM Lençóis Paulista

.... . .