Mulher de 49 anos morre durante acidente quando praticava rapel em cachoeira de Botucatu

Uma mulher de 49 anos, moradora de São Paulo, morreu depois de um acidente enquanto praticava rappel na Cachoeira Canela 3, em Botucatu (SP), neste domingo (16), por volta das 13 horas.  De acordo com equipes de resgate, uma pedra se soltou no alto e atingiu a cabeça da mulher que estava com um grupo de pessoas de Sorocaba. Ela foi socorrida pelos bombeiros ao Hospital das Clínicas de Botucatu, mas não resistiu e morreu.  Segundo foi apurado pela reportagem do Agência14News, mesmo com a vítima, Adriana Ortega Cozzani, utilizando todos os equipamentos de segurança na descida, a pedra que se soltou não evitou a tragédia, causando um afundamento na região parietal com hemorragia severa.   Uma enfermeira e mais dois amigos realizaram RCP por cerca de 50 minutos até a chegada da equipe de resgate do CB. Segundo eles ainda, por ser um local de difícil acesso e sem área disponível para sinal de celular, houve dificuldade para o pedido de socorro.  Os trabalhos para a retirada da vítima até a viatura foi composto de várias técnicas de salvamento em altura e salvamento terrestre. (Agência 14News)

Leia mais

Leia outras notícias

ESPORTES POLÍCIA CULTURA
POLÍTICA NACIONAL INTERNACIONAL

 



 

 

 

.... . .