Prefeito de Lençóis decreta luto oficial por tragédia em Brumadinho

Na manhã desta segunda-feira, dia 28, o prefeito de Lençóis Paulista Anderson Prado de Lima decretou luto oficial de três dias em decorrência da tragédia ocorrida na cidade de Brumadinho, em Minas Gerais. Na sexta-feira, 25, a barragem 1 do complexo Mina do Feijão da mineradora Vale, que fica a 60 quilômetros de Belo Horizonte, se rompeu jogando quase treze milhões de metros cúbicos de rejeitos de minério sobre a área administrativa da empresa, sobre comunidades da região e sobre o Rio Paraopeba. Até o momento da publicação desse texto, já haviam sido confirmadas pelas autoridades locais 58 mortes e 305 pessoas continuavam desaparecidas. Em contato telefônico com o vice-prefeito de Brumadinho, Leônidas Maciel, o prefeito de Lençóis Paulista colocou-se à disposição para organização de campanhas de arrecadação e também relatou sobre a experiência do município no trabalho após a maior enchente da história da cidade ocorrida em 2016, e que afetou mais de 750 imóveis e 1.300 pessoas. O vice-prefeito de Brumadinho agradeceu pela solidariedade do povo lençoense, garantindo que caso seja necessário apoio além do esforço já mobilizado para o resgate das vítimas e atendimentos das famílias desabrigadas entraria em contato com a Prefeitura de Lençóis Paulista. O Prefeito Prado também solicitou a todas as entidades e empresas do município que possuem bandeiras, que mantenham os pavilhões a meio mastro entre hoje e quarta-feira, em sinal de luto pelas vítimas da tragédia.

Leia Mais

Leia outras notícias

ESPORTES POLÍCIA CULTURA
POLÍTICA NACIONAL INTERNACIONAL

 



.... . .