Prefeitura lança Programa Chip Animal neste domingo

A Prefeitura de Lençóis Paulista, por meio da Secretaria de Saúde e da Coordenadoria de Proteção Animal, lança neste domingo (25), a partir das 10h, na Concha Acústica, o Programa Chip Animal. A medida visa incentivar o controle populacional de cães e gatos, principalmente na área urbana, a posse responsável e evitar os maus-tratos e o abandono de animais, o que coloca em risco a saúde pública. Além do lançamento do programa, neste domingo, das 9h às 12h, também acontece a Feirinha de Adoção, para que cães e gatos encontrem um novo lar. Todos os animais que forem adotados no domingo, já estarão com o microchip, para que seja inserida a informações do seu novo proprietário.

Pelo programa, todos os cães e gatos recolhidos pelo Canil Municipal Natália Placca Ticianelli e Gatil Municipal Isabela Placca Ticianelli, e animais que passarem pelo projeto de castração, receberão um microchip de identificação, que vai conter todos os dados do animal e do proprietário. Assim, se esse animal foi encontrado na rua depois de chipado, a Prefeitura terá condições de identificar o proprietário e aplicar as medidas legais que já estão previstas na Lei de Maus Tratos e Abandono.

“Esse parece ser um programa simples, mas é importantíssimo tanto para a saúde pública, porque animais abandonados nas ruas podem contrair e transmitir doenças graves como raiva entre outras, como também para incentivar a posse responsável e evitar assim os maus-tratos contra os bichinhos que são indefesos. É importante salientar também que a criação do Programa Chip Animal faz parte do compromisso que esta gestão municipal tem com a política da causa animal, tanto que assim que assumimos já criamos a Coordenadoria de Proteção Animal, para desenvolver ação exclusivamente para essa área”, disse o prefeito Anderson Prado.

É importante ressaltar que, diante da grande população animal existente no município, que gira em torno de 10 mil cães e gatos, a chipagem será feita por etapas. Como informado acima, essa primeira etapa vai atender gratuitamente os animais errantes, recolhidos pelo canil e gatil municipal e os animais que passam pelo serviço de castração municipal. A chipagem dos demais animais será feita gradativamente.

“Para implantar o programa, a Coordenadoria já investiu na compra de dois leitores e adquiriu 1.200 chips, uma quantidade que é suficiente para iniciarmos o programa. O objetivo a longo prazo, claro, é ter todos os animais de Lençóis Paulista identificados, inclusive filhotes, para que possamos realmente acompanhar a vida desses animais”, declarou a coordenadora de Proteção Animal, Milena Montanholi Mileski.

A coordenadora explicou que os animais também vão receber uma medalha com QR Code, um código que pode ser lido pelo celular. Essa medalha deve ser colocada na coleira do animal. Assim qualquer pessoa que encontrar um cão e gato perdido que foi chipado, pode ler o QR Code que vai mostrar os dados do proprietário.

Causa Animal em números

É importante lembrar que além do Canil e Gatil Municipal, que é um dos maiores e mais bem estruturados da região, a Prefeitura conta também com o Centro de Atendimento Veterinário Ana Gabriela Toniolo, que realiza atendimentos médicos veterinários e cirurgias de castração de cães e gatos.Para se ter uma ideia, desde 2017, quando foi criada a Coordenadoria de Proteção Animal, já foram castrados mais 2.200 animais, entre cães e gatos, as Feirinhas de Adoção, que acontecem sempre todo último domingo de cada mês na Concha Acústica, já deram um novo lar a 401 animais e o serviço municipal já resgatou mais de 400 animais doentes e feridos das ruas de Lençóis Paulista. Esses animais foram encaminhados ao Canil e Gatil Municipal, onde recebem vacinas, vermifugação, assistência veterinária e todos os cuidados para a reabilitação.

 

.... . .