Programa Coleta Certa começa a funcionar no Jardim Ubirama na próxima semana

A partir da próxima segunda-feira, 29, os contentores estarão disponíveis para a população do Jardim Ubirama, Jardim Humaitá e Parque Antártica.

A Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente lançou nesta terça-feira, 23, o programa Coleta Certa, ação que marca o início da coleta mecanizada de lixo e materiais recicláveis em Lençóis Paulista. O lançamento aconteceu na Escola Lina Bosi Canova, Vila Ubirama. O lançamento contou com a presença de autoridades da cidade, munícipes e dos alunos da escola Lina Bosi, e com a presença do presidente da Associação de Moradores do Jardim Ubirama, Pastor Valdivino Miguel, que parabenizou e agradeceu pela atenção dada ao bairro e pelos possíveis benefícios da implantação do Coleta Certa no Jardim Ubirama.

Nathália Soares Costa, assistente de projetos da Contemar, empresa pioneira e líder no conceito de coleta mecanizada e conteinerização no Brasil, esteve no lançamento e relatou que “há muitos exemplos desse tipo de coleta em municípios do Brasil, todos bem-sucedidos. E, além do lado social, existe o lado financeiro, já que reduz, e muito, o custo da coleta”.

Para o prefeito, Prado, “este é um momento muito importante para a história do Meio Ambiente em nossa cidade. Vamos implantar em Lençóis Paulista um sistema que vai mudar para melhor o modo de se coletar o lixo e o material reciclável. O modelo é ambientalmente correto, porque vai evitar que o lixo fique jogado nas ruas como acontece algumas vezes, e é socialmente justo, pois vai reduzir a carga de trabalho dos servidores públicos que diariamente labutam na coleta manual do lixo, e vai beneficiar acima de tudo a população, que não precisará acumular o lixo em sua casa, pois o contentor estará à sua disposição 24 horas por dia, sete dias por semana”.

No momento do lançamento do programa Coleta Certa, na Escola Lina Bosi, o prefeito Prado foi aplaudido pelos alunos, com quem interagiu. “As nossas escolas são os locais mais importantes do nosso país, por isso esse lançamento ocorre nesta escola. Não havia um lugar mais especial. Por isso, todo projeto Coleta Certa quando for implantado em outros bairros será sempre em uma escola”. O prefeito disse ainda que “esse projeto irá humanizar a coleta em nossa cidade. Humanizar o trabalho dos coletores, porque eles merecem”.

O secretário de Meio Ambiente, Claudemir Rocha Mio, Tupã, falou sobre o projeto, que será implantado gradativamente na cidade. “O primeiro local a receber o projeto Coleta Certa é a região do Jardim Ubirama, desde a SP 261 até a Avenida dos Estudantes, passando por Jardim Humaitá e Parque Antártica”. Tupã explicou que os contentores serão distribuídos em duplas pelas ruas dos bairros. Os azuis devem ser usados para descarte de resíduos orgânicos, enquanto os verdes devem ser usados para descarte de resíduos recicláveis.

Materiais orgânicos são os restos de alimentos, geralmente depositados no lixo da cozinha, como papel toalha, lenços de papel, papel engordurado e resíduos de banheiro. Já os materiais não orgânicos, que são separados e vendidos pela Usina de Reciclagem, são plásticos, como garrafas pet, sacos, cano PVC, brinquedos, embalagens e copos; papéis, como papelão, cadernos, revistas, jornais, tetra park, cartolinas, folhetos e caixas; vidros, como frascos, potes, garrafas e copos; e metais, como canos, chapas, enlatados, latas, tampas e panelas.

O processo de recolhimento do lixo é simples, pois o contentor já possui o dispositivo de engate para facilitar a acoplagem ao caminhão coletor, que realiza o processo de despejo na caçamba compactadora sem a necessidade de participação direta do homem. Os resíduos orgânicos, do contentor Azul, serão transportados para o aterro sanitário, enquanto os do contentor verde serão destinados às Cooperativas de Reciclagem de Lençóis Paulista.

“A coleta mecanizada por conteinerização tem por objetivo manter a cidade mais limpa, sempre com apoio da população, que terá nas proximidades de sua casa um contentor à disposição 24 horas por dia, evitando que animais rasguem os sacos ou sacolas espalhando o lixo pelas calçadas, o que além de feio acaba bloqueando a vazão de águas pluviais, provocando risco de enchentes à população dos bairros e parte do Centro”, declarou Tupã. “Já disse, mas queria reforçar o pedido de colaboração à população. Além da importância de colocar os materiais no contentor correto é importante que os moradores fiquem atentos a vandalismos e em caso de qualquer problema ligue na Secretaria de Meio Ambiente que tomaremos as providências. Nosso projeto será monitorado por outras cidades, e, dando certo aqui, fatalmente será implantado em muitos outros municípios”, completou o secretário.

A partir da próxima segunda-feira, 29, os contentores estarão disponíveis para a população do Jardim Ubirama, Jardim Humaitá e Parque Antártica.

Leia Mais

Leia outras notícias

ESPORTES POLÍCIA CULTURA
POLÍTICA NACIONAL INTERNACIONAL

 



 

.... . .