Região e Lençóis Paulista regridem para a Fase Vermelha; comércio poderá atender apenas nos formatos delivery e drive thru

Coletiva na manhã de domingo, 24, contou com representantes do Comércio, Hospital NSP, Câmara e Prefeitura

Lençóis Paulista volta a partir desta segunda, 25, à Fase Vermelha do Plano São Paulo. A informação foi confirmada neste domingo, 24, durante coletiva de imprensa, onde o Prefeito Anderson Prado explanou sobre as restrições da Fase Vermelha, sobre o funcionamento das atividades neste período e sobre a responsabilidade compartilhada. O Poder Público tomou as medidas necessárias no enfrentamento da pandemia, a população precisa colaborar e seguir as medidas sanitárias, como usar máscara, higienizar as mãos e evitar aglomerações.

Além do prefeito, participaram da coletiva realizada na Câmara Municipal, o vereador primeiro-secretário Augusto Xavier de Oliveira, o professor Guto, representando o Poder Legislativo, o secretário de Saúde, Ricardo Conti Barbeiro, o presidente da Acilpa, José Antônio Silva, o Neno, o provedor do Hospital Nossa Senhora da Piedade, João José Dutra e o diretor do SAAE e membro do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, André Paccola Sasso.

Na fase Vermelha o comércio considerado não essencial por decretos federais e estaduais, estará proibido para atendimento ao público no estabelecimento, podendo funcionar utilizando dos serviços de entrega em domicílio (delivery) e serviço de entrega em veículos (drive thru), com horário reduzido de funcionamento (máximo de 8 horas), até as 20h, respeitando o horário previsto no alvará de funcionamento, proibido a aglomeração de pessoas na porta do estabelecimento.

“Eu tenho convicção de que as pessoas não estão se contaminando nos comércios, pois eles estão seguindo as medidas. A contaminação ocorreu nas festas de fim de ano, em reuniões familiares e também nas festas clandestinas. Mas o decreto do governador é claro e vamos seguir, tentando manter um mínimo de fomento da nossa economia”, declarou Prado.

Barbearias, clínicas estéticas e cabeleireiros poderão funcionar, mas com agendamento prévio e sem sala de espera. Já os setores considerados essenciais pelos decretos dos Governo Federal e Estadual mantém o funcionamento, mas com restrições e medidas sanitárias.

As áreas esportivas como parques podem funcionar, mas as pessoas devem utilizar máscaras e seguir as regras sanitárias. Atividades esportivas e treinos também estão autorizadas. Mas os campeonatos, competições e jogos seguem proibidos.

Feiras livres e varejões também estão liberados para o funcionamento mas sem consumo de alimentos. Já os escritórios estão autorizados para o funcionamento interno, sem atendimento ao público.

Na abertura da coletiva, Prado lembrou que “Estamos trabalhando no limite do decreto para que haja um fomento mínimo da economia. Na segunda e terça, vamos orientar, explicar, mas a partir de quarta-feira, vamos iniciar a fiscalização”.

Enfático, Prado cobrou mais responsabilidade e conscientização das pessoas no enfrentamento à pandemia. “Vamos seguir trabalhando de forma vigorosa, com responsabilidade, com o coração cheio de amor, com apoio de todos os servidores e entidades, principalmente do Hospital Piedade. A responsabilidade é do Poder Público, mas quero conclamar a todos para a responsabilidade compartilhada neste momento. As festas do final do ano foram as principais responsáveis pelo aumento dos óbitos e casos. Neste final de semana, chegamos a 64 óbitos. Meu repúdio às pessoas que se aglomeram, que não usam máscaras, que participam de festas clandestinas; suas ações negacionistas estão matando pessoas”.

Mais leitos semi-intensivos para o Hospital Piedade

Durante a coletiva, Prado lembrou da estrutura disponibilizada pelo Poder Público desde o início da pandemia para o atendimento dos lençoenses, destacou os índices de ocupação dos principais hospitais da região que já ultrapassaram sua capacidade de atendimento e também anunciou uma reunião de trabalho com a participação do Ministério Público, Polícia Militar e Conselho Tutelar para debater a situação de dezenas de jovens que permanecem nas ruas, se aglomerando e participando de festas clandestinas.

Prado e o provedor do Hospital Nossa Senhora da Piedade, João José Dutra, também anunciaram a disponibilização de mais cinco leitos semi-intensivos para o atendimento dos casos de Covid-19 no município. O Chefe do Executivo lençoense, prefeitos da região e o deputado federal, Rodrigo Agostinho, também se reuniram nesta semana com o secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, em busca de ampliação da estrutura hospitalar para o atendimento dos casos de Covid-19 na região.

Aulas presenciais

O calendário escolar está mantido com previsão de retorno às aulas presenciais de 35% dos alunos da Rede Municipal no dia 22 de fevereiro, considerando que o Governo Estadual anunciou seu retorno para o dia 08 de fevereiro, “Já estamos trabalhando com os alunos que não cumpriram suas metas durante as aulas remotas em 2020. A Rede Municipal de Educação fará uma avaliação diagnóstica de seus alunos até o dia 22 de fevereiro, atendendo em horários reduzidos e preestabelecidos. Vamos trabalhar pelo retorno das aulas com todas as medidas sanitárias, equipamentos de segurança, com o trabalho dos servidores da Educação e o apoio dos pais, será preciso o acompanhamento constante dos trabalhos nessa área para que as medidas estejam sempre em consonância com o que ocorre na linha de frente”, concluiu.

Confira um resumo da Fase Vermelha:

– Comércio – Delivery e Drive Thru no horário do alvará, com recuo de 1,5m dentro do estabelecimento;

– Padarias – acesso permitido ao interior da loja, mas sem consumo interno;

– Restaurantes, lanchonetes, bares e trailers – Delivery 24 horas e Drive Thru até as 22h; sem acesso interno e sem consumo no local;

– Barbearias, cabeleireiros e clínicas médicas e estéticas em geral, que são essenciais por decreto federal – terão atendimento com horário agendado, uma pessoa por vez, sem sala de espera;

– Academia e Igrejas por decreto presidencial podem funcionar com medidas sanitárias;

– Atividades ao ar livre e práticas esportivas seguem liberadas, seguindo medidas sanitárias;

– Clubes – Campeonatos estão proibidos, mas atividades esportivas estão liberadas;

– Feiras ao ar livre e Varejão – podem funcionar, mas sem o consumo de produtos no local;

– Serviços em geral como escritórios – funcionamento sem atendimento interno, poderão trabalhar com leva e traz de documentos;

– Prefeitura – trabalho interno, sem acesso interno do público nas áreas administrativas.

Para informações mais detalhadas sobre cada setor, acesse o decreto nesse link:

https://lencois.mentor.metaway.com.br/acessos/decreto/NklUBAb1NwsBb9a.html?fbclid=IwAR2pTrbw14gU2ImTCHwsa94VfnhJUvUIofAvpoT8-Lq_RCnxdpwnLFKGBwg

 

fonte: PM Lençóis Paulista

.... . .