Vereadora de Pratânia faltou à sessão para ir ao velório da mãe e tem 50% do salário descontado

O caso da vereadora Dona Anália está causando comoção entre os moradores da cidade de Pratânia. A vereadora Anália Neres de Morais (PPS), preciso ir até Feira de Santana, na Bahia, (1.974 quilômetros de Pratânia), a mãe dela aos 104 anos estava hospitalizada, muito doente o que culminou com o seu falecido.

Dona Anália é uma pessoa de origem humilde e simples antes de viajar seguiu todos os trâmites, comunicou o presidente da Câmara municipal, o vereador Paulo Henrique da Silva, o Paulinho do Bar (PPS), o motivo o qual faria ela se ausentar da cidade por alguns dias, ao retornar a vereadora apresentou o atestado de óbito, mas foi informada que o seu salário seria cortado em 50%, obedecendo uma lei municipal que diz que os vereadores que faltam as sessões ordinárias tem um desconto de 50% nos vencimentos. Os vereadores não podem se ausentar sem justificativa ou aprovação da casa de lei.

A reportagem da Rádio Integração a vereadora disse que apresentou cópia da certidão de óbito, mas mesmo assim o Paulinho não se sensibilizou com a situação e disse que o desconto estaria na lei, portanto seria mantido e assim o fez.

Nossa reportagem tentou ouvir o presidente da câmara municipal, mas ele disse que só iria dá a sua versão após o parecer jurídico da casa, também já solicitado pela reportagem, acompanhado de cópia da lei, mas até o momento não recebemos retorno da câmara municipal de Pratânia.

Na sessão ordinária que ocorreu na segunda feira (13), o vereador Jozimar Antônio Aníbal, também solicitou a lei, também não recebeu. O argumento do presidente é baseado praticamente em lei que até agora ninguém viu ou está guardada a sete chaves.

Durante seu discurso na câmara municipal vereadora recusou receber ajuda dos companheiros de câmara, como sugerido pelo vereador Neto Justo, pois está muito abalada pela perda da mãe, e consequentemente a penalizada com o corte de parte de seu salário, ela não deixaria de comer, mas espera receber o que é seu por direito. (Rádio Integração – São Manuel)

Leia Mais

Leia outras notícias

ESPORTES POLÍCIA CULTURA
POLÍTICA NACIONAL INTERNACIONAL

 



.... . .