Saúde recebe lote com 500 doses de vacina Pentavalente

Vacinação será realizada em horário excepcional nesta sexta-feira, até às 17h em todas as unidades de saúde

A Secretaria Municipal de Saúde recebeu nesta semana um lote com 500 doses de vacina Pentavalente (DTP/Hepatite B/Hib) para imunização dos bebês com 2, 4 e 6 meses de vida. Para atender a demanda, a vacinação será realizada em caráter excepcional nesta sexta-feira, em todas as unidades de saúde até as 17h, uma vez que as equipes de Estratégia de Saúde da Família se reúnem neste dia para avaliação e programação das atividades. Durante a semana, as unidades também realizam a vacinação normalmente.

Os pais devem levar as crianças que estão com as doses em atraso e ainda não foram imunizadas às unidades de saúde de sua referência para receber a vacina. Os pais ou responsáveis devem levar a caderneta de vacinação para atualização das doses recebidas.

A Penta garante proteção contra cinco doenças: difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e a bactéria Haemophilus influenza tipo B (responsável por infecções no nariz e na garganta). Aplicada aos 2, 4 e 6 meses de vida, a vacina imuniza os bebês contra tais enfermidades.

De junho a dezembro do ano passado, a oferta de vacinas sofreu atrasos por conta de problemas com os fornecedores. Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil compra a vacina por meio do Fundo Estratégico da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), pois não existe laboratório produtor no país. Em julho de 2019, lotes do laboratório pré-qualificado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) foram reprovados no teste de qualidade do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde e em análise da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Em agosto, o Ministério da Saúde solicitou reposição do produto, mas, naquele momento, não havia disponibilidade imediata no mercado mundial.

.... . .