Com testes em massa de empresas, município confirma 49 casos da Covid-19

  • Norberto Pompermayer, lembrou que os números de Lençóis Paulista estão abaixo das expectativas, por conta de todo o trabalho feito pelas autoridades sanitárias.

O número de casos confirmados pela Covid-19 em Lençóis Paulista saltou de 14 para 49 casos positivos. Porém, o número de casos negativados que na semana passada, somavam 75 somam agora 257 com a realização da testagem em massa. O aumento dos dados ocorreu por conta da testagem em massa realizada pelas empresas Frigol e Bracell. Nos dois casos, os números passam a integrar os boletins expedidos pela Secretaria de Saúde diariamente.

Os dados foram divulgados pelo prefeito Anderson Prado durante a coletiva de imprensa nesta segunda-feira, 11. O vereador e presidente da Câmara, Nardeli da Silva e o médico e presidente do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, Norberto Pompermayer, também participaram da coletiva realizada na Sala de Sessões Mário Trecenti.

Abrindo a coletiva, Prado apresentou um balanço dos casos no Brasil e no Estado de São Paulo. “São mais de 11 mil mortes no Brasil, só em São Paulo são 3.709 pessoas, em sua maioria, pessoas com mais de 60 pessoas. É como se uma Areiópolis inteira tivesse sido dizimada do mapa. Falo de 11 mil pessoas, mas são 11 mil famílias vitimadas pela Covid-19. Isso é muito triste e estamos fazendo de tudo para que isso não se repita aqui”, afirmou o prefeito.

Prado lembrou que o início da testagem em massa, anunciada na semana passada, vai possibilitar o trabalho mais eficaz no combate a pandemia. “Iniciamos a testagem em massa, em parceria com a iniciativa privada. Quero convidar outras empresas para adotar esse procedimento. Dentro das limitações que temos, esses números vão possibilitar um trabalho com mas efetividade pela Vigilância Epidemiológica.”, pontuou. “Ao sabermos que um caso deu positivo já isolamos essa pessoa e as pessoas com quem ela teve contanto. Por outro lado, se a pessoa deu negativo ela já pode voltar ao trabalho e isso também é importante”, completou Pompermayer.

O prefeito afirmou que a prioridade do município será testar as pessoas que apresentam síndrome gripal leve, cerca de 664 que já estão em isolamento pela Vigilância Epidemiológica local. Deste total, 249 serão submetidos ao PCR e 132 ao teste rápido, por conta dos diferentes estágios dos sintomas. Os demais ainda não se enquadram nos critérios estabelecidos para a testagem.

“A Prefeitura, em um esforço conjunto dos setores de Saúde, vão realizar até o final da semana 381 testes para atender a demanda reprimida. Os resultados serão transformados em números para amostragem, com isso, teremos um panorama fidedigno da contaminação, possibilitando para o alinhamento do trabalho de enfrentamento à Covid-19 no município”, completou.

Já o presidente do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, Norberto Pompermayer, lembrou que os números de Lençóis Paulista estão abaixo das expectativas, por conta de todo o trabalho feito pelas autoridades sanitárias, médicas e políticas no enfrentamento à Covid-19.

“Estou mais tranquilo, pois passamos mais uma semana. Temos hospitais super-lotados no país, nosso atendimento está tranquilo, nosso PA Covid praticamente pronto. O Governo do Estado determinou a quarentena até 31 de maio. Vamos continuar cumprindo todas as medidas determinadas pelas autoridades. O uso da estrutura da saúde está sendo mínimo, mas a população precisa estar atenta, ajudando uns aos outros”, finalizou.

Responsabilidade coletiva

Durante o encontro com jornalistas, Prado anunciou que vai mobilizar representantes dos Poderes Constituídos, visando os casos de descumprimento das medidas estabelecidas pelo decreto do Governo do Estado acerca do isolamento social e aglomeração. “Neste final de semana, principalmente no sábado, percebemos uma afronta a tudo que a Prefeitura está fazendo. Pessoas se organizando para alugar barracas, realizar festas. Temos que ter consciência que estamos em uma pandemia. Vamos responsabilizar criminalmente as pessoas que tem adotado essa postura. Não queremos retroceder em nenhuma conquista. Vamos continuar trabalhando por todos, com zelo, com todos os cuidados, pois isso é uma prerrogativa do prefeito. Agora não é hora de abraços, de fazer festas, a hora é de se cuidar, de usar máscaras, de cuidar dos outros”, lembrou.

Respiradores

Questionado sobre o processo para compra de respiradores, Prado lembrou que a empresa responsável pelo fornecimento dos equipamentos não conseguiu efetuar a entrega em tempo hábil. Por conta disso, o valor pago pelo Governo voltou aos cofres municipais. “Estamos priorizando a vida. Esta é uma Prefeitura organizada. Para as pessoas que torcem pelo colapso do sistema de saúde, que torcem para façamos algo errado, eu peço para doem um quilo de arroz e parem de fazer politicagem”, resumiu.

Colaboração

O presidente da Câmara fez uma homenagem aos colaboradores dos supermercados da cidade, que diariamente, atendem a população, correndo riscos. “Que deixar meu agradecimento aos funcionários dos supermercados que garantem que o alimento esteja nas prateleiras. Mas quero pedir que a população ajude, colabore, respeitando o distanciamento no momento da compra, usando todas as barreiras sanitárias. O Comitê está fazendo sua parte com muita seriedade. Não podemos deixar que Lençóis passe o que outros municípios estão passando. Estamos falando com base na ciência, na medicina”, concluiu.

 

.... . .