Secretaria de Cultura promove aulas online de música, pintura e dança

Maestro Marcos Maganha, regente da Orquestra de Violeiros e professor de violão

A Secretaria de Cultura de Lençóis Paulista está realizando transmissões ao vivo com aulas ministradas pelos monitores da pasta, nas áreas de música, artes visuais e dança, no projeto Aula em Casa.

As transmissões ocorrem na página do Facebook da Secretaria (https://www.facebook.com/culturalencois/), de segunda a sexta-feira, no período da manhã. Os vídeos das transmissões ficam disponíveis para serem acessados pelos alunos a qualquer momento

“O nosso objetivo com essas transmissões é fomentar o trabalho dos monitores e permitir que nossos alunos continuem os estudos mesmo neste período de quarentena. As aulas servem também para que mais pessoas conheçam o trabalho da Secretaria de Cultura e possam se matricular no futuro”, destaca o secretário de Cultura, Marcelo Maganha. Segundo o secretário, as aulas foram preparadas a partir de conceitos introdutórios, para permitir que pessoas com diferentes níveis de conhecimento possam acompanhar os ensinamentos dos monitores. As aulas seguem o seguinte cronograma, que pode ser alterado de acordo com a disponibilidade dos professores:

9:00 – Monitora Cultural Adriane Matias (sopros/madeiras)

9:30 – Monitor Cultural José Santos (percussão)

10:00 – Monitora Cultural Luciane Milani (pintura em tela)

10:30 – Monitor Cultural Marcos Maganha (violão e viola caipira)

11:00 – Monitor Cultural Marcelo Estrella (dança)

11:30 – Monitor Cultural Alina Lenci Paccola (dança)

12:00 Monitor Cultural Antônio Carlos (cordas friccionadas)

12:30 Monitor Cultural Nanci Toniollo (piano)

Lençóis In Live

A Secretaria de Cultura também está realizando transmissões ao vivo para promover artistas locais e compartilhar a produção cultural do município. O Lencóis In Live é transmitido todos os dias, às 20h, nas redes sociais da Cultura. Interessados em se apresentar podem entrar em contato enviando um breve currículo para o email da pasta ([email protected]).

.... . .